Crónicas de uma Leitora: [Opinião]Uma Carta Inesperada de Barbara Taylor Bradford

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

[Opinião]Uma Carta Inesperada de Barbara Taylor Bradford

 
 Autor: Barbara Taylor Bradford
Edição/reimpressão: 2012
Páginas: 432
Editor: Asa
 
Sinopse:  Justine Nolan é uma mulher de sucesso com uma carreira artística fulgurante. Mas as memórias que guarda com mais carinho remontam à sua infância, um tempo que recorda como mágico. De visita a casa da mãe, Justine abre inadvertidamente uma carta que vai mudar tudo o que ela julgava saber sobre a sua família e até sobre si própria. As revelações são tão chocantes que a jovem pede a ajuda e o conforto de Richard, o seu irmão gémeo. Juntos, resolvem descobrir a verdade custe o que custar. Mas para o fazer, ela terá de viajar até Istambul - a vibrante e sedutora cidade onde se cruzam Ocidente e Oriente. É um lugar com os seus próprios segredos e cujo magnetismo aproxima Justine de um homem fascinante que parece saber mais do que aquilo que está disposto a revelar.
 
Opinião: 
Vinda de Istambul chega uma carta que Justine Nolans não estava nada a espera. O pior é que nem era endereçada a si mas à sua mãe. Como não é normal a mãe não receber cartas, muito menos de Istambul, ela abre-a.Só não pensava que isso poderia mudar a sua vida.
A carta foi escrita pela melhor amiga da sua avó e vai causar um enorme impacto tanto na vida de Justine como na do seu irmão gémeo, Richard. Depois de analisarem a situação, fica decidido que Justine deve viajar sozinha até Istambul a ponto de descobrir se o contiudo da carta seria verdade.
As descrições de Istambul foram fenomenais e completamente surpreendentes que me fizeram desejar não parar de ler para continuar na viagem, pois parecia que estava mesmo lá e era eu que andava lá a passear novamente.
Uma carta inesperada conta a história de duas pessoas,a de Justine, uma mulher que quer agora descobrir a história da sua família e os segredos desta e saber os significados dela. A outra é de um outro familiar, que conta uma história de sobrevivência na segunda guerra mundial.
Gostei muito de ambas, Justine, com a sua carreira, o seu relacionamento com a mãe e os segredos que a sua mãe tem e a sua própria história de amor.
Apesar de também achar que devido a serem duas histórias senti que o livro era um pouco apressado, ou então era o meu desejo a querer cada vez mais.
Esta é uma óptima leitura que aconselho a quem gostar do género, pois ira deliciar-se com estas histórias

Sem comentários:

Enviar um comentário